Brasil.gov.br Petrobras Ministério da Cultura
 
 

Festa Bom Jesus dos Navegantes

1
Tati Magalhães · Maceió, AL
4/3/2006 · 96 · 1
 

Pedindo licença sobrenatural ao poeta Fernando Pessoa (ele mesmo era extremamente metafísico, contrariando alguns de seus heterônimos), no Nordeste brasileiro poderíamos tomar emprestada a frase “navegar é preciso, viver não é preciso”, para acrescentar que é preciso navegar, é preciso pescar e é preciso agradecer aos céus a boa pesca. Há mais de um século, no início de janeiro, os municípios localizados no baixo São Francisco se vestem de religiosidade para comemorar a Festa de Bom Jesus dos Navegantes. Em Alagoas, é no segundo domingo do mês que abre o ano, na bela e histórica cidade de Penedo que acontece o ponto alto da comemoração. Após ser retirada da Igreja de Santa Cruz, a imagem de Bom Jesus dos Navegantes é levada em uma procissão terrestre e fluvial, percorrendo alguns dos municípios riberinhos em mais de 20 embarcações. Apesar de ser uma festa católica, desde as suas origens mescla profano e sagrado. Hoje conta com a apresentação de grupos folclóricos, corais e bandas, atividades esportivas e shows musicais, além de uma bela queima de fogos.

Explicando um pouco a história: até 1914, a procissão saía da Igreja e do Convento de Nossa Senhora dos Anjos, em Penedo, com a imagem de Cristo Agonizante, mas foi proibida exatamente por não se tratar apenas de um culto religioso, e os fiéis e não-fiéis também aproveitavam o momento para divertir-se com jogos e danças. A proibição não impediu a continuidade da festa: Antônio José dos Santos, conhecido como Antônio Peixe-Boi, solicitou ao escultor de santos e anjos da cidade, Cesáryo Martires, que esculpisse a imagem de Bom Jesus dos Navegantes. E então, desde 1915, é ela que arrasta o povo para as procissões.

onde fica
Penedo fica a 173 Km de Maceió. AL-101 Sul, BR-101 Sul, BR-110 e BR-225 são as estradas que dão acesso ao município. Já Pão de Açúcar fica a 226 Km da capital.
por que ir
Penedo, com seus casarões e igrejas, e, claro, o São Francisco, já vale a visita. É uma das cidades mais bonitas de Alagoas. Mas a devoção do povo nordestino é uma atração à parte, e a festa de Bom Jesus é uma das maiores do Brasil. Não deve ser vista como algo exótico, mas como uma das mais belas características do brasileiro e, em especial do Nordeste. Uma celebração à diversidade de crenças e às manifestações populares. Além disso, a procissão fluvial inclui a travessia de parte do São Francisco, passando por Carrapicho, em Sergipe.
quando ir
O segundo domingo de janeiro é o dia da procissão fluvial, mas, nos dias anteriores, a festa já está acontecendo. Em Pão de Açúcar, outra cidade alagoana do Baixo São Francisco, as comemorações também começam dias antes, com bandas de pífano e a orquestra do município.
quem vai
As festividades reúnem mais de 100 mil pessoas.

comentários feed

+ comentar
Sóstenes Lima
 

Penedo é sem dúvida a cidade mais mágica do nosso Estado. Uma grande dica.

Sóstenes Lima · Maceió, AL 27/3/2006 12:47
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

observatório

feed
Nova jornada para o Overmundo

O poema de Murilo Mendes que inspirou o batismo do Overmundo ecoa o "grito eletrônico" de um “cavaleiro do mundo”, que “anda, voa, está em... +leia

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados