Brasil.gov.br Petrobras Ministério da Cultura
 
 

Turma da Mônica ganha versão adolescente

Mauricio de Sousa Produções
Personagens adolescentes em estilo mangá
1
Pedro de Luna · Niterói, RJ
2/10/2008 · 159 · 10
 

Quem cresceu lendo as aventuras da Turma da Mônica pode estranhar, mas o fato é que os personagens cresceram e viraram adolescentes. E as mudanças não foram apenas físicas, afinal, agora o Cascão toma banho de vez em quando, a Magali se preocupa com a alimentação ("para não engordar", nas palavras da própria), o Cebolinha ganhou mais cabelo e nem troca tanto o erre pelo ele, e a Mônica, quem diria, está menos dentuça e mais amadurecida. Tudo isso o leitor poderá conferir na "Turma da Mônica Jovem", cujas duas primeiras edições já foram pras bancas.

Segundo a editora Panini, o planejamento é editar a revista durante um período e sentir a receptividade dos leitores, para depois abordar questões pertinentes à adolescência, como namoros, sexo e até drogas. O novo gibi mescla o consagrado estilo dos quadrinhos de Mauricio de Sousa com o do mangá, bem como prolonga uma única história por vários números. Mas os leitores mais conservadores podem ficar tranquilos, o gibi com os personagens originais (crianças) continua a ser publicado paralelamente. Conversei com o artista e pai da turminha sobre a novidade.

Pedro de Luna >> Mauricio, o lançamento desta nova versão da Monica está relacionado ao fato de, ao invés de virar vovó, rejuvenescer a garotinha do vestido vermelho?
Mauricio de Sousa - Não exatamente. A Mônica foi criada em 1965. São 43 anos mas com corpinho de sete, e agora de 15 (risos). Na verdade havia uma curiosidade tanto de nós como dos leitores em saber como seria a turminha quando chegasse à adolescência. Pelo sucesso de vendagem que foi o primeiro número deu pra perceber que o público respondeu à novidade com maior intensidade ainda do que imaginávamos.

Pedro de Luna >> Por que esta opção pela linguagem e o formato mangá, onde as histórias não terminam no mesmo exemplar, pedindo sempre uma continuidade?
Mauricio - Já faz algum tempo que estamos notando o avanço da linguagem do mangá sobre o público jovem. Foi uma opção que eu vinha estudando com minha equipe. Resultou em uma mescla de meu estilo com o tradicional estilo japonês. Emprestamos a agilidade, retículas, humor gráfico além do formato de histórias de continuação. Essa primeira história se encerra em quatro edições, o que não é muito.

Pedro de Luna >> Achei curioso (e exagerado) o uso de gírias paulistanas e cariocas, por que esta opção? Não acaba sendo uma forma de colonialismo com os demais estados brasileiros? De impôr uma cultura?
Mauricio - Interessante você atentar para esse detalhe mas asseguro que não foi proposital. Vamos observar melhor sobre isso mas não houve qualquer reclamação desse detalhe. Recebemos e-mail com críticas favoráveis e outras não. Estamos sensíveis à essa participação dos leitores que é uma forma de interatividade positiva que influenciará as próximas produções da Turma da Mônica Jovem.

Pedro de Luna >> Outra característica da nova revista é o formato maior, desenhos grandes e ausência de cores. Gostaria de saber por que esta opção e como o público está recebendo esta novidade.
Mauricio - O mangá já está devidamente incorporado aos costumes de nossos leitores e a grande maioria apreciou esse formato. Entenderam a proposta. Como a Turma da Mônica Jovem é um universo paralelo às histórias da turminha infantil, que continuam normalmente, ajuda para que haja uma diferenciação de tratamento gráfico. Recebemos poucas críticas dos mais puristas ao formato mangá tradicional, mas como disse, essa publicação é uma mescla de estilos.

Pedro de Luna >> Você acredita que os leitores vão optar por uma ou outra versão ou acabarão por comprar as duas?
Mauricio - O que está acontecendo nesse primeiro momento é que houve uma curiosidade natural de leitores que já conhecem ou já leram a turminha infantil algum dia. Mas sentimos que as crianças de sete anos que estão acostumadas com a turminha infantil estão comprando a Turma da Mônica Jovem para ficarem por dentro do que irá acontecer com os personagens mais tarde. Nós do estúdio estamos contentes com toda essa repercussão e nossa responsabilidade em melhorar cada vez mais aumentou com essa novidade.

www.monica.com.br

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Andre Pessego
 

Uma boa matéria. E das considerações sobre a Turma da Mônica,
é claro o Maurício está começando sair dele mesmo para entrar nos demais e ai vamos poder analisar, conhecer o seu trabalho
abraço

Andre Pessego · São Paulo, SP 2/10/2008 06:50
sua opinião: subir
kiko takeuti
 

Curto mudanças., mas prefiro a versao antiga.,mudei de geracao , faz um tempao e adoro., nao precisava modernizar...!

kiko takeuti · Japão , WW 2/10/2008 07:09
sua opinião: subir
crispinga
 

Muito bem vinda a edição da "Turma da Mônica", agora crescidinha. Os personagens que fizeram parte da minha infância agora servirão de mais um instrumento de informação para a pré adolescente que tenho em casa!
Muito legal!

crispinga · Nova Friburgo, RJ 2/10/2008 12:00
sua opinião: subir
Giovanni Guidi
 

Muito interessante a sua entrevista. Diversas gerações cresceram lendo a Turma da Mônica. Mauricio sempre foi um renovador. Os traços de seus personagens mudaram constantemente, e ainda hoje, há mudanças. Os balões cheios de texto da década de 80 deram lugar aos rostos mais expressivos de agora. E agora, em Mangá. Veremos até onde vai a criatividade de Mauricio.
Sucesso.
Votado.

Giovanni Guidi · Piracicaba, SP 2/10/2008 12:49
sua opinião: subir
Dyego Lisboa.. ânsia de choro.. 7_7
 

Concordo com kiko Takeuti...

Dyego Lisboa.. ânsia de choro.. 7_7 · Teresina, PI 3/10/2008 10:57
sua opinião: subir
Thiago Camelo
 

Fico feliz com a guinada da Turma da Mônica em direção ao que é de agora. Já tinha até escrito um texto aqui no Overmundo sobre o Lostinho, a revistinha que leva os personagens pro universo do Lost. Como o próprio Maurício tangência na entrevista (e eu concordo!), há de se tomar cuidado com qualquer saudosismo - porque é importante demais deixar no nosso tempo as nossas marcas. Seja no cinema, na música, na arquitetura e, até, no futebol (estes dois últimos com inúmeros saudosistas de plantão). Valeu mesmo pela entrevista. Abraços!

Thiago Camelo · Rio de Janeiro, RJ 3/10/2008 13:13
sua opinião: subir
CharlieD
 

eu precisaria folhear e ler essa nova versão primeiro.

CharlieD · Fortaleza, CE 6/10/2008 13:41
sua opinião: subir
mayzinha
 

Eu simplesmente ameei!! Achei muito interessante e a turma da mônica antiga já tá um pouco chato!! Vou nas bancas para comprar o meu !! kkkkkkk

mayzinha · Aracaju, SE 3/12/2008 08:49
sua opinião: subir
marcosbnpinto
 

Eu não chego a estranhar, o estúdio já fez várias histórias com a Mônica e sua turma como adolescentes ou adultos antes... mas é interessante ver que investiram nisso como um projeto permanente( ? )

Contudo, eu sei de um ex-aluno meu( de um dos cursos de desenho que ministrei )que mant um fanfic em uma realidade alternativa onde os mesmos personagens são adolescentes( asim ocmo os outros personagens da série são mais velhos ), e ele tem publicado isso como fanzine desde 1997!

marcosbnpinto · Porto Alegre, RS 10/3/2009 20:35
sua opinião: subir
marcosbnpinto
 

É uma boa matéria, e ganhou meu voto^ ^

marcosbnpinto · Porto Alegre, RS 10/3/2009 20:36
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

observatório

feed
Nova jornada para o Overmundo

O poema de Murilo Mendes que inspirou o batismo do Overmundo ecoa o "grito eletrônico" de um “cavaleiro do mundo”, que “anda, voa, está em... +leia

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados